Qual o real impacto da genética e do tipo de dieta na perda de peso?

Não, não é a sua genética. Também não é a insulina. Um interessante estudo publicado no periódico JAMA analisou o impacto a genética e do nível de insulina em mais de 600 participantes buscando responder o seguinte: qual o impacto desses itens em dois padrões de dieta (pouca gordura e pouco carboidrato) na perda de peso?

Para isso os pesquisadores analisaram os genes dos participantes (para identificar quais tinham genética melhor para metabolizar carboidratos e quais tinham melhor genética para metabolismo de gorduras) e os dividiram em dois grupos aleatórios. O primeiro grupo recebeu uma dieta low-fat e o segundo uma dieta low-carb e foram acompanhados por 12 meses.

Após 12 meses analisaram os resultados: a perda de peso não teve correlação nem com a genética nem com o nível de insulina (outro dado levantado no estudo como hipótese para prever a perda de peso). 

Mas afinal e com relação às dietas nesses grupos? Qual foi a melhor dieta: low fat ou low carb? Em nenhum dos dois grupos houve diferença significativa entre as dietas – ou seja, tanto faz.

Essa pesquisa é muito interessante uma vez que mostra como a questão de perda de peso e obesidade é muito mais complexa do que aparenta ser. 

Para conhecer mais sobre o estudo:
Effect of Low-Fat vs Low-Carbohydrate Diet on 12-Month Weight Loss in Overweight Adults and the Association With Genotype Pattern or Insulin Secretion: The DIETFITS Randomized Clinical Trial. JAMA. 2018;319(7):667–679. doi:10.1001/jama.2018.0245

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.